quinta-feira, 16 de março de 2017

Brasil: Discussões sem conhecimento de causa

Vejo nas mídias sociais discussões em torno das consequências da política de Estado. Ninguém discute as causas que permitem a perpetuação de organizações corruptas, sejam elas públicas ou privadas. Independente de partidos e pessoas praticantes de atos de corrupção na esfera pública, pouco se vê argumentações críticas. O que enxergo são discursos ideológicos vazios, sem conhecimento de causa.


O que permite, por exemplo, as diversas formas de prática do caixa 2, por seres humanos de caráter duvidoso, é um sistema que funciona de forma dúbia.


Sem conhecimento de causa, ou melhor, numa sociedade que oferece uma educação doutrinária, que desenvolve seres autômatos, acríticos ou robotizados, essas discussões são infrutíferas e levam a sublevações, pelas causas erradas. A equivocada interpretacão da realidade faz com que fiquemos presos ao vazio.
Se tivéssemos movimentos organizados e bem direcionados, poderíamos reivindicar pelos motivos certos, sem chover no molhado.


Nenhum comentário:

Postar um comentário